Guia Prático para Produção de Conteúdo para Internet

Guia Prático para Produção de Conteúdo para Internet

De acordo com o site do Brasil Escola, ao listar as Top profissões para 2021, houve um aumento de 74% da migração de profissionais de jornalismo, publicidade e marketing focados para produzir conteúdos digitais.

A maioria, inclusive, virou autônomo e atende uma cartela de clientes desesperados para conseguirem se posicionar na internet e alavancar suas vendas.

E acontece que, o processo de vendas e comunicação já estava, aos poucos, ganhando o coração de empresários e empreendedores que possuem negócios físicos.



Mas, com a Pandemia vivida em maior intensidade no ano de 2020, foi um estrondo!

A procura por profissionais que criassem conteúdos e gerenciassem tanto as mídias sociais quanto as lojas online cresceu exponencialmente.

Porém, algumas pessoas, como micro empresários ou autônomos não conseguiriam bancar uma terceira pessoa, e nesse caso, ele mesmo se aventurou a produzir seus próprios conteúdos.

Vídeos, Reels, TikTok, fotos, legendas, lançamentos e campanhas.... tudo sendo pesquisado, montado e divulgado por uma só pessoa: a mesma que precisava vender, produzir, atender, planejar e organizar o negócio.

DESAFIOS

Foi nesse cenário caótico que muitos empreendedores e autônomos se viam em 2020 e continuarão, pelo menos não com tanta intensidade, em 2021.

Por isso, elaborei esse guia que é prático e completo sobre como você pode criar conteúdo para suas mídias digitais de uma forma mais simples e eficaz para não surtar!

POR ONDE COMEÇAR A PRODUZIR CONTEÚDOS PARA A INTERNET?

O primeiro passo é elaborar o o seu Plano de Estratégia Digital.

Responda às seguintes perguntas:

1. Em quais redes sua empresa ou sua marca precisa estar presente?

(  ) Instagram (  ) Facebook (  ) Site/Blog (  )Youtube (  ) Telegram (  ) TikTok

(  ) Pinterest (  ) Clubhouse  (  ) E-mail Marketing


2. Quem é a sua persona? Aquela pessoa que vai comprar de você?

Aqui, você precisa entrar em detalhes: mais do que a idade e o sexo, é saber que tipo de problemas e desafios ela encara no dia a dia e quais são os maiores desejos delas.

Por isso é importante fazer pesquisas, seja usando um Google Forms, uma sequência de enquetes e perguntas no Instagram ou fazê-las em grupos do Facebook onde elas estão reunidas.

Não economize tempo pra entender sua persona, pois é através disso que você consegue criar conteúdos com mais assertividade e vender muito mais!


3. Quais são os seus objetivos com cada rede social?

É importante saber mensurar e definir metas e objetivos com cada rede social.

Você pode ter metas de vendas em uma rede e apenas divulgação da marca em outra.

Por isso, defina: com meu Instagram eu quero O QUÊ e em QUANTO TEMPO?


4. Qual será o seu posicionamento?

A sua forma de se comunicar será mais formal, informal, descontraída, empática, agressiva?

Como você é no dia a dia? O que quer que as pessoas falem de você ou da sua marca?

Use isso na sua comunicação, pois pode ser um grande diferencial.

Posicionamento é como as pessoas te veem e te definem, e isso precisa estar alinhado com o que você realmente quer mostrar e vender depois.


5. Qual será o volume de conteúdos a ser produzido?

Aqui é onde mora o desespero inicial.

Você não sabe a quantidade certa de conteúdos e vai seguindo a onda de outras pessoas.

Só que daí, você pode cair numa estafa mental, o que é muito perigoso.

Por isso, eu recomendo que você atenda pelo menos 3 pontos de contato do seu negócio, mas foque em um de cada vez.

Por exemplo: você pode produzir 4 conteúdos semanais no Instagram e depois de uns dois meses começar a produzir 1 vídeo por semana no Youtube, e após uns 2 meses você cria um canal no Telegram para se comunicar com sua audiência.

Até chegar nesse ponto você precisa ir dominando uma rede por vez e organizando sua agenda conforme sua rotina.


Você pode gostar desse artigo também: Por onde começar no Marketing Digital

E QUAL É O SEGUNDO PASSO PARA COMEÇAR A PRODUZIR CONTEÚDOS PARA A INTERNET?

Depois que sua estratégia está montada é hora de coletar informações.

Aqui você vai baixar o Agente 007 e reunirá numa pasta/caderno/arquivo todas essas informações:

1. Acesse as plataformas dos seus concorrentes e veja o que eles estão produzindo.

Quais são os pontos fortes deles? Quais os pontos fracos? O que a audiência está comentando? Qual é a frequência dele? etc.

Mas cuidado, você só vai fazer isso com a intenção de fazer algo diferente e único e não a de copiar, olha lá hein!

2. Pesquise no Youtubevídeos com a temática relacionada ao seu nicho e veja o que foi produzido.

Assista alguns materiais e anote os pontos principais que você concorda ou não concorda.

3. Olhe novamente para todas as informações coletadas sobre a sua persona e liste todo tipo de assunto que você pode abordar para resolver o problema delas.

4. Acesse o Pinterest e colete ideias de fotos, cores, artes e também de conteúdos ao fazer uma busca usando as palavras-chave do seu negócio como "manicure" "advogada" "esteticista" "nutricionista".

5. Reúna os livros que você já leu ou tem em casa e podem te ajudar com seu nicho, tente reler alguns trechos para tirar ideias de lá.

6. Com esse dossiê abarrotado de ideias e informações é hora do terceiro passo!


Você pode gostar desse artigo também: 10 dicas de como criar conteúdo relevante para o seu blog


COMO SE ORGANIZAR PARA PRODUZIR OS CONTEÚDOS?

Com esse banco de ideias em mãos, ou melhor: seu dossiê completo, você precisa, primeiro, entender qual é o momento do dia que você está mais focada e com energia.

Depois é decidir o dia da semana ou os momentos da semana em que você irá produzir os conteúdos.

Por exemplo:

1. Sou mais produtiva de manhã

2. Na quinta-feira e sexta-feira sãos os dias mais tranquilos da semana.

3. Logo, vou criar meus conteúdos nessas duas manhãs, nem que eu precise acordar mais cedo nesses dias para fazer isso.

4. Defina exatamente o tempo que você vai fazer isso.

Por exemplo: vou criar legendas e artes durante 2 horas e em 1 hora vou tirar fotos e gravar uns vídeos curtinhos. São 3 horas de produção, ao todo.

Por isso, bloqueie na sua agenda como um compromisso intransferível!

Porque você precisa colocar essas horas na conta total de trabalho diário.

Afinal, você está produzindo conteúdos para o seu negócio e não para se divertir e jogar tempo fora.

E é aqui que você deve criar o seu calendário editorial.

COMO FAZER ISSO?

1. Imprima um calendário com espaço para escrever, crie uma planilha ou use um caderno com as datas.

Não importa a forma, o que é importante é manter um calendário perto.

Nele você vai anotar os conteúdos a serem criados e postados.

Por exemplo: toda quarta-feira é dia de Youtube, então, no calendário vai estar escrito numa cor diferente: YOUTUBE: RESENHA DO PRODUTO X.

Anote o tema que você vai abordar em cada dia da semana e em cada rede social. Assim, você consegue visualizar melhor o que precisa ser feito e pode preparar com antecedência.



MAS COMO POSSO SER PRODUTIVA PARA CRIAR CONTEÚDOS?

Você precisa criar processos.

E isso você só vai conseguir definir na prática.

Mas eu já facilitei 50% do seu caminho com esse artigo, porque quando eu comecei, não fazia nada disso, deixava para pesquisar na hora de criar e na hora de criar eu já tava cansada, porque fazia no final do dia, quando a energia estava lá no pé.

Por isso, a ordem que eu te apresentei aqui nesse artigo sobre produção de conteúdo, é praticamente o meu processo:


1º Pesquisar e coletar o máximo de ideias e informações

2º Organizar essas ideias distribuindo elas num calendário editorial (tema que vai ser postado na segunda, na quarta e assim por diante)

3º Definir os dias para: escrever as legendas, criar as artes, tirar fotos, gravar vídeos...

4º Ter um sistema de gestão e programação disso tudo.


  Você pode gostar desse artigo: Como ser produtiva para escrever mais e melhor?


QUAIS PROGRAMAS (APLICATIVOS) PODEM TE AJUDAR NA PRODUÇÃO DE CONTEÚDOS PARA A INTERNET?

No começo da minha jornada eu usava 325984365 aplicativos, ficava testando toda hora um diferente.

E o resultado foi que eu deixava muita coisa pela metade.

Por isso, nesse passo quero compartilhar apenas os que são essenciais e fáceis de serem utilizados.

1. Trello: use ele para TUDO! Para organizar suas ideias, projetos, produzir os conteúdos, planejar seus cursos e consultorias, centralizar as informações.

Mas se você não sabe utilizar ele, pode dar uma olhada na minha Masterclass que eu dei há alguns meses chamada "Trello para a Produção de Conteúdos".
Nessa aula você vai aprender a usar ele de uma vez por todas!

Investimento: R$ 0,00
Masterclass: R$ 37,97

2. Canva: use ele para produzir qualquer material gráfico.

Artes para Pinterest, para Instagram, para Stories, E-books, apresentações, orçamentos, aulas etc.

E, você pode usar a versão gratuita para fazer tudo isso.

Mas, com o tempo e conforme você ganhar experiência e confiança, pode assinar a versão paga.

Investimento opcional: R$ 34,90 por mês.

3. Inshot: use ele para editar vídeos.

Você pode cortar, acelerar, colocar músicas, ajustar tamanho/formato dele, pode adicionar legendas etc...

Investimento: R$ 0,00

4. Estúdio de Criação do Facebook: use ele para programar suas postagens no instagram e facebook.

Ou seja, você pode, num dia só, deixar agendada as postagens de toda uma semana ou mês, conforme for a sua produção.

Investimento: R$ 0,00


5. Papel em branco: use ele para rascunhar ideias e anotar insights.

Sempre tenha perto de você alguns papeis em branco para que você possa anotar ideias enquanto cria seus conteúdos, ou coisas que você lembra que precisa fazer, mas não pode naquele momento.

Essa técnica também te ajuda a manter o foco e não ficar parando a cada atividade que você lembra que precisa fazer.

Coloca num papel, e só depois que você finalizou o que se propôs a fazer, olhe para ele e veja o que fazer em seguida.




MENTALIDADE, COMPROMETIMENTO, NEGÓCIOS


Esse guia foi criado para empreendedores e autônomos que não podem perder tempo, mas precisam gerenciar o próprio negócio.

Se você seguir as dicas que eu compartilhei aqui, com certeza sua vida vai melhorar muito!

E na hora que você for contratar alguém para te ajudar no seu negócio, você já sabe o que precisa ser feito, com isso facilita o trabalho dela e o seu também.

Então, encare tudo com comprometimento e veja as redes sociais como uma oportunidade de negócios.

Uma outra dica é alimentar diariamente seu networking!

Mantenha contato com pessoas interessantes e que estão na mesma "onda" que você, pois é com elas que você vai poder trocar ideias, pedir indicações, ajuda e assim, ambas crescem.

E lembre-se sempre de continuar estudando e investindo no seu negócio.



RESUMO






Nenhum comentário

Postar um comentário

Obrigada por comentar! Assim que possível venho aqui para responder você. Beijos!