Dicas Básicas Para Manter a Saúde Mental no Mundo Virtual


POR MARIANA GUIDO | CEO: MAVEN GIRLS


Que a internet é maravilhosa a gente já sabe. E que ela pode ser tóxica, também. Como estamos mais conectados do que nunca, precisamos observar os limites daquilo que nos afeta constantemente. Uma prática recomendada é parar uns minutinhos e pensar em como lidar com essa ferramenta tão poderosa - seja para o bem, ou para o mal. Mas se você está na correria agora, não se preocupa. Separei cinco dicas para ajudar você a manter a saúde mental nesse mundo virtual. Confira:

1.      Fique em silêncio




Passar horas vendo um filme, checando as postagens mais recentes ou batendo papo com os amigos pode ser uma excelente forma de entretenimento. Ou um grande refúgio. Parece que com o avanço tecnológico a maioria das pessoas tem medo de se sentir entediada. Por isso, é recomendável desconectar e apreciar a calmaria. No livro “Silêncio Na Era do Ruído”, Erling Kagge afirma que o silêncio é um luxo (já reparou como as pessoas mais afortunadas moram em bairros mais longes e mais calmos?). O autor ainda defende que “o silêncio tem a ver com redescobrir as alegrias da vida quadrando paramos um pouco”. Kagge diz que o barulho atrapalha a qualidade de vida. Pelo jeito, o uso intenso da web também! Quando foi a última vez que você parou para ouvir os próprios pensamentos?

2. Esteja confortável em dizer não


Dizer não é preciso. Certos pedidos ou convites parecem tentadores, todavia se eles vão te ocupar demais ou provocar alguma sensação de ansiedade ou desconforto é melhor recusar. Sendo assim, rejeite educadamente. É melhor passar por uns segundinhos de tensão do que várias horas - ou dias - de arrependimento. Vai por mim!


3. Saiba se afastar




Tem notado que algumas pessoas que você segue te causam algum sentimento ruim? Ou algumas publicações te deixam pra baixo? É hora de cortar esses laços virtuais e clicar no botão “parar de seguir”  Identificar o gatilho é o primeiro passo. Depois, dê um tempo. Se essa sensação passar, pode voltar a seguir aquela página. Não passou? Não esquenta. Você vai acabar esquecendo de tudo isso logo, logo! Um lado positivo, nesse caso, é que na internet tudo é efêmero.

4. Organize-se




Não precisa acordar às cinco da manhã ou ter uma ”rotina matinal”.  É só tentar encontrar um equilíbrio entre momentos de trabalho, estudo, diversão, socialização e navegação online. Saber priorizar atividades faz toda a diferença. Uma sugestão é monitorar o tempo diário no celular e ter um horário para desconectar e colocar o aparelho na cabeceira.

5. Não se compare


A frase “o inferno são os outros” nunca fez tanto sentido. Com as mídias sociais, parece que todo mundo já passou por essa experiência: se comparar com alguém e não se sentir legal logo depois. Só que essa atitude sempre existiu: desde a época da escola, nós temos mania de medir se estamos melhor ou pior do que o coleguinha do lado. Falando honestamente, talvez essa seja o exercício mais difícil de tentar. Mas é possível: evite olhar números - de seguidores, de comentários ou de likes, isso é, se eles ainda aparecem para você. Caso você se pegue olhando o perfil alheio, pare tudo o que está fazendo e vá completar outras tarefas da sua lista: checar e-mails, andar com o cachorro, ler uma revista ou só perguntar para as pessoas queridas como o dia delas está indo. Prometo que vai te ajudar!

Você tem alguma outra dica para manter a saúde mental no mundo virtual? Comenta aqui!

Nenhum comentário

Postar um comentário

Obrigada por comentar! Assim que possível venho aqui para responder você. Beijos!