Stephen King e seu primeiro livro publicado [CURIOSIDADES]

Hey! Tudo ótimo por ai?


Hoje quero compartilhar uma curiosidade sobre o mestre Stephen King e sobre um dos poucos livros que li dele (shame!) - juro que quero ler mais!

A curiosidade é: COMO SURGIU O LIVRO CARRIE A ESTRANHA.

Ele trabalhava com um amigo fazendo uns bicos, enquanto sua carreira de escritor não deslanchava. Nesse dia o serviço era num colégio onde deveriam limpar umas marcas de ferrugem do chuveiro dentro do vestiário feminino.
King nunca tinha entrado num lugar assim antes e viu um suporte diferente dos de papel toalha e papel higiênico, então ele perguntou ao amigo o que seria aquilo.
Pasmem: "É rolha de xoxota" o amigo respondeu "Para certos dias do mês". Tirei isso do livro, viu, gente! hahaha

Ouvindo isso ele também notou que haviam cortinas rosas que separavam os chuveiros e percebeu que as meninas tinham mais privacidade para tomar banho.

Então ele imaginou: e se não tivessem essas cortinas e na hora do banho uma das meninas ficasse menstruada, mas não soubesse o que estava acontecendo com seu corpo? Então as outras meninas enojadas, estúpidas e aterrorizadas começam a jogar absorventes nela, que está em pânico pensando que vai morrer. Ai ele também lembrou de um artigo que dizia que alguns  fenômenos de poltergeist poderiam ser na verdade atividades telecinéticas, ainda dizia que é mais comum em meninas no começo da adolescência na época da primeira menstruação.
Uou! Que bela história isso não daria!

Então ele foi pra casa e escreveu o rascunho da história. Quando terminou ele leu e achou vários problemas que o fizeram achar que a história era ruim, amassou as 4 folhas e jogou fora.

Na noite seguinte, ao voltar pra casa encontrou sua esposa, Tabitha, com as folhas na mão. Ela tinha encontrado as folhas e por curiosidade quis ler e achou a história muito interessante. Mas ele disse não entender nada de meninas adolescentes. Foi então que ela disse que o ajudaria nessa parte.
E pararatimbum: surgiu o primeiro livro dele que, mesmo que demorou um pouco para ser publicado, foi vendido por alguns milhares de dóls - exatamente 400 mil dólares e 200 mil eram dele.
Quando ele recebeu a ligação do agente ficou sentado com o telefone na mão completamente emocionado e sem saber o que fazer.


Finalmente ele poderia ser um escritor e sustentar sua esposa e filhos.  


Lindo né?



Se você quiser saber de onde tirei essa história é só ler essa resenha aqui: Sobre a Escrita
Se você quiser uma resenha sobre "Carrie a Estranha" só clicar aqui que a Anna fez também.

Beijos e até a próxima!

Nenhum comentário

Postar um comentário

Obrigada por comentar! Assim que possível venho aqui para responder você. Beijos!