Resenha: Escola dos Mortos [#90]

FICHA TÉCNICA
Autor: Karine Vidal
Título: Escola dos Mortos
Ano de Publicação: 2018
Edição: 2
Editora: Skull
Nº páginas: 589
Gênero: Literatura Brasileira / Young Adult

SINOPSE
"Lara Valente irá morrer. Mas sua história não termina por aqui. Pelo contrário: é aí que ela começa.


A jovem carioca será enviada para um misterioso internato na Inglaterra. Mas o lugar esconde um segredo. Lara se deparará com vozes de gente morta gravadas, assassinatos misteriosos no colégio, meninas mortas que ainda moram nos quartos, e um despertar assustador num caixão.

Tudo isso vai leva-la a descobrir que, por trás da fachada da Escola dos Sotrom, existe uma Escola muito mais perigosa, cheia de segredos, pactos e mortes.

Nessa Escola repleta de ocultismo, Lara será assassinada. Mas sua história não terminou. Ela acordará em em mundo paralelo, em universo glamouroso onde vive a nata dos melhores, escolhidos à dedo pela Morte.

A Escola dos Mortos abriga os que foram assassinados e enviados para lá. Uma sociedade escondida em que existem apenas os melhores, coexistindo em segredo com a escola dos vivos.

Adolescentes mimadas, carros luxuosos, segredos escandalosos, campeonatos, corridas e caçadas.

Lara irá se apaixonar por um homem perigoso. Luka Ivanovick, com seus olhos negros, hostis e arrogantes - repletos de ocultismo e falta de respostas. Através dele, Lara descobrirá a cruel história por trás de sua morte.

Paixão, mistério e um jogo de sedução escuro e apimentado irão acontecer entre o mundo real e o misterioso mundo noturno da Escola - até Lara descobrir que, dentro dos caixões, os mortos daquele lugar nunca dormem."


Dizem que todo mundo gosta das pessoas simples e doces. Eu não. Preferia aqueles que tinham um pouco de pimenta para temperar a alma, uma dose de loucura e ocultismo para instigar o mistério. Pessoas complexas.   (Lara - página 279)
Comentário Geral:

Acredito que a sinopse já fale muita coisa sobre a história.

Lara Van Pelt Valente é herdeira de uma maldição mas nem sabe disso. O dia em que o advogado do seu avô desconhecido chega na sua casa é o início da maior reviravolta de sua vida.

Ao chegar na Sotrom ela se sente completamente intimidada pelas pessoas e costumes da escola e não é apenas um choque cultural, ela sabe que aquela escola tem mistérios e que precisa se adequar às regras se quiser cumprir com a parte do seu acordo.

Um ano, é tudo o que ela precisa passar ali. Mas então ela morre. E agora sua "vida" recomeça. Na Escola dos Mortos ela se sente, finalmente, e estranhamente, em casa. Conhece amigos, entra para os grupos de elite e o que ela jamais esperaria acontece: ela se apaixona perdidamente pelo estranho e maravilhoso Luka Ivanovick - russos, sempre eles hehehe-. 


E agora quero apresentar o novo formato das minhas resenhas. Eu resolvi abrir como eu avalio cada livro e tratar ali os pontos principais. 

1º TEMA

Ousadia e criatividade. Eu poderia resumir assim o tema aqui tratado.
A imaginação da autora em criar o mundo da Escola dos Mortos, e mais ainda: o mundo dos mortos como um todo, me surpreenderam muito! Ela fugiu do convencional ao criar esse mundo alternativo e foi bem convincente nele.
O amor, os sacrifícios e o sentido da vida foram bem explorados aqui e eu gostei demais disso.
Nota: 4


2ª PERSONAGENS

A Lara até metade do livro me incomodou um pouco.
Eu não tinha conexão nenhuma com ela. A personalidade e superficialidade dela me irritavam e embora ela fosse uma menina com 18 anos ela faz parte do grupo de meninas que eu jamais pertenci: as gatas, disputadas pelos meninos e criadoras de tendências. Talvez por isso. [hahaha]
Mas com o tempo a autora foi forçando ela a amadurecer e eu gostei disso.

Algumas pessoas só conheciam parte do motivo da minha mudança. Deixei que pensassem o que quisessem; algumas dores são pessoais demais para serem compartilhadas.  (Lara - página 414)

Luka Ivanovick era muito extremo. Eu também me senti incomodada com a possessão dele pela Lara e mesmo compreendendo o seu comportamento (não posso falar para não dar spoiler) acho que um relacionamento abusivo foi trabalhado aqui pela autora.

Maaaaaaaas, a Lara tinha uma personalidade muito forte e não cedeu facilmente, forçando ele a baixar a guarda e mostrar de verdade quem ele era e o que sentia por ela e por toda a situação em que estavam metidos.

Os outros personagens foram todos muito importantes e prendiam nossa atenção, Nikolai virou meu crush. Eu tenho essa mania de me prender a personagens secundários hahahah

Nota: 3,5

3º ENREDO

Aqui foi o pulo do gato da autora.
Plot twist atrás de Plot twist e isso não me incomodou, já que a maioria deles realmente me pegou desprevenida e outros eu até imaginava o que aconteceria. E cada um deles me fazia soltar um "eeeeeeitaaaa!" haha
A construção da história, as pontas que iam ficando soltas, todas foram bem amarradas no final e o desfecho é maravilhoso!
Nota: 4,5
4º RESSACA

Esse item mostra o quanto o livro mexeu com o meu emocional e o quanto ele me prendeu.
E esse livro me fez rir, engolir o choro, me fez querer estar lá ao lado deles e eu amei demais a aventura que a história me inseriu!
Nota: 5
5º PARTE GRÁFICA

O livro é brochura, folhas amarelas e bem confortável de ler pelo tamanho da fonte.

A única ressalva é quanto ao erro de algumas palavras, que provavelmente escapuliram na fase de revisão. Mas elas apenas estavam com a grafia trocada, o que não interferia no sentido da frase. 
Os capítulos longos também foram uma característica que eu achei que atrapalharia mas não foi o caso. Amei demais pois eu não conseguia largar o livro!
Nota: 3,0

Média: 4,0 (NOTA FINAL DO LIVRO)
Nota dele no Skoob: 4,5 (+ 300 avaliações)

Então, gente, abri minha forma de avaliar um livro e espero que vocês tenham gostado dessa nova forma. Fica muito mais fácil assim pra criar a resenha, revisar e organizar minhas ideias.

Eu super recomendo o livro, gente! Gostei mesmo dele. É uma grande aventura que fala de amor, vida e morte, limites, como cada pessoa afeta nosso emocional e principalmente o quanto estamos dispostos a mostrar quem somos de verdade para as pessoas que entram em nossas vidas.

Nenhum comentário

Postar um comentário

Obrigada por comentar! Assim que possível venho aqui para responder você. Beijos!